Foto: João Felipe Lolli/Itatiaia

Prefeitos da Grande BH cobram associação após reunião com Kalil na segunda ser cancelada

Prefeitos de várias cidades da Região Metropolitana de Belo Horizonte negaram nesta terça-feira, em contato com a Itatiaia, que se recusaram a participar de uma reunião nessa segunda (27) com o chefe do Executivo de BH, Alexandre Kalil (PSD). A informação de que havia uma rejeição ao encontro foi dada pelo prefeito de Nova Lima e presidente da Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Belo Horizonte (Granbel), Vitor Penido.

Um dos que mostraram interesse em ir ao encontro foi o prefeito de Caeté, Lucas Coelho (Avante). “Em momento algum nos negamos a participar dessa reunião. Pelo contrário: queríamos muito participar e contribuir com sugestões”.

O encontro foi cancelado pela Granbel e, por isso, apenas quatro (BH, Betim, Contagem e Nova Lima) das 34 cidades da Região Metropolitana tiveram representantes. Em nota à Itatiaia, a assessoria de imprensa da entidade afirmou que o cancelamento da reunião foi para evitar aglomerações e risco de contaminação pela covid-19.

A informação foi desmentida pelo próprio presidente da Granbel. “Depois de conversar com alguns prefeitos, eles acharam que essa reunião deveria ser feita na sede na Granbel, não concordaram em fazer na prefeitura de BH”, disse.

Entretanto, a vice-presidente da Granbel e prefeita de Vespasiano, Ilce Rocha (PSDB), disse ter havido um erro de comunicação. “Qual prefeito que não gostaria de participar de uma reunião como essa, num momento tão importante quanto esse? Temos um grupo de prefeitos no WhatsApp e eu não vi nenhum dizendo que não gostaria de participar disso”, declarou.

Diante das cobranças, Penido disse que tudo não passou de um mal entendido. “Sempre foi a minha preocupação contar com o máximo de prefeitos participando. A Granbel vive uma crise com muitas dificuldades de repasses financeiros”, afirmou.

Cargo à disposição

A coluna “Em cima do fato”, da repórter Edilene Lopes, apurou que relação de prefeitos com a atual gestão da associação está desgastada, de acordo com alguns deles, desde a gestão do governador Fernando Pimentel (PT), quando os repasses de recursos constitucionais começaram a atrasar. Segundo alguns prefeitos, a entidade não atendia às reivindicações para intermediar um diálogo com o governo estadual.

Penido respondeu que o que atrapalha o andamento dos projetos da Granbel é o fato de o Governo de Minas passado e atual estar quebrado e não conseguir atender às reivindicações dos municípios. Ele disse colocou o cargo à disposição nesta terça-feira e perguntou aos colegas quem queria assumir. Ao final, os pares pediram que ele ficasse.

VEJA A NOTICIA NO SITE DA ITATIAIA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s