MORSA “DORMINHOCA” APARECE EM PRAIA DA IRLANDA

Mamífero endêmico do Ártico teria dormido em um iceberg em movimento

A morsa é um mamífero de proporções consideráveis, que vive nas águas do Círculo Polar Ártico. No entanto, uma delas proporcinou um raro avistamento ao surgir sobre as rochas de uma praia na Ilha de Valentia, na Irlanda. A distância entre o habitat natural do bicho e o local onde foi encontrado pode ser de 2,6 mil km — o equivalente a uma viagem de carro entre Belo Horizonte (MG) e Buenos Aires, capital da Argentina.

A morsa acima, endêmica do Ártico, foi encontrada em uma praia da Irlanda
REPRODUÇÃO/FACEBOOK/IRISH WHALE AND DOLPHIN GROUP

A  morsa perdida foi encontrada por Alan Houlihan e a filha de 5 anos, Muireann. “A princípio pensei que era uma foca, mas depois vimos as presas”, disse o homem, em entrevista ao jornal Irish Examiner.

“Ele era enorme”, descreveu Houlihan, “mais ou menos do tamanho de um touro ou de uma vaca.”

Kevin Flannery, biólogo marinho de um aquário local, ficou entusiasmado com a descoberta e esboçou uma teoria sobre como o animal desembarcou na irlanda: “Ele dormiu em um iceberg e acabou indo longe demais.”

Segundo Flannery, a morsa dominhoca veio do Polo Norte: “Possivelmente da Groenlândia”, especula, “está a milhares de quilômetros de distância.”

O biólogo também explica que cruzar o Oceano Atlântico fez o bicho ficar com bastante fome e muito cansado, apesar da soneca. Por isso, Flannery pede aos moradores que deixem o viajante se recuperar da travessia épica.

VEJA A NOTICIA NO SITE R7

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s